.posts recentes

. "A VIDA" - poemas de dife...

. A Natureza - Os líquens

. VERDADES DITAS...

. O 11 de Setembro

. O MUNDO É BELO... aqui fi...

. MOMENTOS... em frases, im...

. É HOJE! A Abertura oficia...

. PARABÉNS AVÓS

. PORTO - DOIS LOCAIS A VIS...

. DIA DA TERRA - 22 de Abri...

.arquivos

. Abril 2013

. Setembro 2012

. Julho 2012

. Abril 2012

. Janeiro 2012

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Maio 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Maio 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

Quarta-feira, 13 de Outubro de 2010

Poema "Maria" - Antero de Quental

Para todas as MARIAs

 

Maria

Tenho cantado esperanças...
Tenho falado d'amores...
...Das saudades e dos sonhos
Com que embalo as minhas dores...


Entre os ventos suspirando
Vagas, tênues harmonias,
Tendes visto como correm
Minhas doidas fantasias.

E eu cuidei que era poesia
Todo esse louco sonhar...
Cuidei saber o que é vida
Só porque sei delirar...

Só porque a noite, dormindo
Ao seio duma visão,
Encontrava algum alivio,
Meu dorido coração,

Cuidei ser amor aquilo
E ser aquilo viver...
Oh! que sonhos que se abraçam
Quando se quer esquecer !

Eram fantasmas que a noite
Trouxe, e o dia já levou...
A luz d'estranha alvorada
Hoje minha alma acordou !

Esquecei aqueles cantos...
Só agora sei falar !
Perdoa-me esses delírios...
Só agora soube amar !

Antero de Quental


publicado por SAMY às 23:31

link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


.favorito

. Estado de espírito

.Fazer olhinhos

blogs SAPO

.subscrever feeds